Carol Andrade

“Maravilhoso. É uma experiência que faz a gente parar e pensar. E uma das partes que mais me tocou foi parar pra pensar me meus ancestrais, além da auto- aceitação. É pensar da onde a gente veio, nossas origens. Pra gente que é mulher gorda e negra existe um tabu a mais a ser quebrado”
@diariodeumagorda